Inscreva-se

 

 

Copa do Mundo, Start Sports

PASSEIO ALEMÃO EM SALVADOR, PELADA EM CURITIBA, DUELO EQUILIBRADO EM NATAL

Escrito em: 17/06/2014 às 11:21   /   por   /   comentários (0)

COPA-DO-MUNDO-2

Mais um dia muito louco na Copa. poderíamos nos dedicar a cada um dos três jogos, mas Irã e Nigéria receberá apenas uma citação, por falta de conteúdo. Afinal de contas, um jogo horroroso na Arena da Baixada, com apenas duas chances de gol não precisa de tanto destaque. A única nota digna sobre o jogo é que foi a primeira partida ruim da competição, o primeiro empate e o primeiro 0x0.

Nigéria e Irã não produzem nada e não saem do zero. FOTO: FIFA

Nigéria e Irã não produzem nada e não saem do zero. FOTO: FIFA

A Alemanha, por sua vez, confirmou o favoritismo e atropelou Portugal na estreia, em Salvador. Provando que um Cristiano Ronaldo sozinho não faz verão, o time alemão comandado por Thomas Muller meteu 4×0 nos gajos, de forma impiedosa. A Alemanha inovou ao jogar sem centroavante e sem laterais, com muita mobilidade e uma obediência tática impressionante. Para colaborar com o time germânico, Pepe ainda foi expulso de forma estúpida, ao dar uma cabeça em Muller. O alemão por sua vez marcou o primeiro hat-trick da Copa. O outro gol foi do zagueirão Hummels. De fato o time alemão é favoritíssimo ao título. Atordoados os portugueses terão que se reerguer para buscar a recuperação no perigoso grupo que conta com Gana e EUA.

Com grande atuação de Thomas Muller, Alemanha atropela Portugal. FOTO: FIFA

Com grande atuação de Thomas Muller, Alemanha atropela Portugal. FOTO: FIFA

O confronto dos dois já é quase um clássico em mundiais. No seu terceiro encontro seguido em Copas do Mundo, os EUA finalmente conseguiu vencer os africanos. Logo aos 28s, Dempsey marcou o primeiro gol americano, que de quebra foi o quinto gol mais rápido da história dos mundiais. Depois, a defesa americana prevaleceu e, com boa atuação do goleiro Howard, os EUA segurou o empate até os 35 minutos do 2º tempo, quando Ayew marcou um belo gol. Quando parecia que os americanos manteriam o jejum de vitórias contra Gana, num cruzamento de Zusi, Brooks subiu de cabeça e marcou o gol da vitória. O zagueiro americano, de origem alemã, mal fala inglês e jogou pouco pelo time americano. Entretanto, veio do banco para garantir a importante vitória dos comandados de Klinsmann.

O quase alemão Brooks decide o jogo para os EUA; FOTO: FIFA

O quase alemão Brooks decide o jogo para os EUA; FOTO: FIFA

Assim foi o quinto dia de Copa do Mundo. E que Copa, amigos!

Comentários (0)

Escreva um comentário

Comentário
Nome E-mail Website